terça-feira, 13 de novembro de 2007

Tu embalas as estrelas



.OFEREÇO-TE ESTE POEMA PERFUMADO.

Ele é só teu.
Procurei algo de especial que preenchesse os teus cinco sentidos

(Não apenas os olhos e os ouvidos)

Consegui?

Espero que gostes
Minha querida amiga
Pois...

.TRABALHEI TODA A NOITE COMO UMA FORMIGA*.


*Tenho sempre tanta coisa para te contar... mas escusado será dizer que neste
post estou a exagerar.



2 comentários:

POPWORK disse...

Lindo, intemporal e inesquecivel...

Lara disse...

clássico.

Afterimage

Disparou. Tocou. de raspão. quem. Alguém. «foi*».

_- - -__...|.|